23/01/18

Conferência | "Saberes da Terra" - com Duarte Mendonça | 27 de janeiro | 15h00 | Museu de Angra do Heroísmo








O Museu de Angra do Heroísmo dá continuidade no próximo sábado, 27 de janeiro, pelas 15h00, ao ciclo de conferências Saberes da Terra com uma comunicação de Duarte Men­donça, especialista em genética e melhoramento, afeto ao Centro de Biotecnologia dos Açores | Uni­versidade dos Açores

Na mesma será apresentado o trabalho desenvolvido nos laborató­rios daquele centro de investigação, onde estão a ser
empregues ferramentas de base biotecnológica com o objetivo de transformar os recursos vegetais açorianos, quer endémicos, quer de culturas tradicionais, numa mais valia que transcende o valor económico, englobando tam­bém valores ecológicos, éticos, espirituais, estéticos, simbólicos, educativos e científicos.

O ciclo de conferências, dinamizado em colaboração com a Universidade dos Açores, no âmbito do programa de dinamização da exposição “Instrumentos de Trabalho ou de Cultura”,  encerrará a 24 de feve­reiro com uma apresentação do hidrogeólogo Cota Rodrigues, professor auxiliar da Universidade dos Açores, subordinada à temática da contaminação de aquíferos.

22/01/18

Cinema | Cinema Na Biblioteca | "A Odisseia" | 25 de Janeiro | 21h00 | Biblioteca Pública E Arquivo Regional João José da Graça | Faial






Exposição | Obras de Graça Costa Cabral | 26 de Janeiro | 18h30 | Arquipélago - Centro de Artes Contemporâneas | São Miguel


Cinema | MUVI - 2 Extensão Ilha Terceira | Terça-feira 23 janeiro | 21h00 | Recreio dos Artistas | Angra do Heroísmo



Atividades | Sessão de Yoga - para pais e filhos | 27 de janeiro | 17h30 | Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro | Angra do Heroísmo

Sessão de Yoga “Pais e Filhos”,
dinamizada por São Quadros
 
Data: 27 de janeiro
Hora: 17:30
Local: Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro
Público-alvo: (filhos acompanhados pelo pai/mãe)
Limite de idade das crianças: 3 aos 10 anos
Material necessário: colchão próprio
Inscrição Prévia

A Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro promove uma sessão de yoga que pretende proporcionar um momento de interação entre as crianças e os seus pais, beneficiando a relação entre ambos e reforçando a cumplicidade familiar através do Yoga.
De frequência gratuita, é uma atividade sujeita a inscrição prévia, que deverá ser efetuada através do endereço: www.bparah.azores.gov.pt ou nas instalações da Biblioteca, até ao dia 26 de janeiro.

17/01/18

Cinema | "As Vinhas da Ira de John Ford" | 20 de Janeiro | 23h30 | Teatro Micaelense | Ponta Delgada


 
Um dos mais importantes clássicos do cinema, baseado na obra-prima da literatura de John Steinbeck.

Após uma estadia na prisão por homicídio involuntário, Tom Joad regressa a casa e encontra a propriedade da sua família destruída pelas condições climatéricas e pela ganância dos bancos. Com fracas possibilidades de conseguir trabalho, toda a família faz as malas e parte para a terra prometida: a Califórnia. Mas, a árdua viagem e as rigorosas condições de vida que encontram dão-lhes pouca esperança e manter a família unida torna-se um dos maiores desafios que têm de enfrentar.

Título original | The Grapes of Wrath
Realização | John Ford
Com | Henry Fonda, John Carradine, John Darwell
Género | Drama
Classificação | M/12
Outros dados | EUA, 1940, 129m

O ciclo de cinema O Filme da Minha Vida é uma parceria entre o Teatro Micaelense e o 9500 Cineclube. Desde 2014, tem sido lançado o repto a várias personalidades, convidando-as a partilharem com o público o filme que conseguem destacar e que, por uma razão ou por outra, as tenha marcado.

Emanuel Macedo nasceu a 24 de Dezembro de 1952 em Vila Franca do Campo, em São Miguel, e concluiu o curso da Escola Superior de Cinema (1975/78). Foi fotógrafo de cena no filme “A ilha dos Amores” de Paulo Rocha e realizador de “O barco encantado”, inserido na série "Contos Tradicionais Portugueses", uma encomenda da RTP 2. Foi coargumentista da série "Xailes Negros" com José Medeiros e da série "O Barco e o Sonho" com José Medeiros e António Melo Sousa. Escreveu o argumento e realizou “O Diabólico Plano do Barão Vozof” (ficção), “Ecos de Antero” (documentário ficcionado) e o documentário “Corre, Emanuel, Corre”, a partir de uma exposição/instalação de Maria Emanuel Albergaria. Produziu a série televisiva “Gente Feliz com Lágrimas" e o filme “Anthero - o Palácio da Ventura”, de José Medeiros.

Preço | €3.5 (descontos aplicáveis; €2 sócios 9500 CINECLUBE)

16/01/18

Cinema | MUVI Lisboa - Sessão II | Terça-feira 16 janeiro | 21h00 | Recreio dos Artistas | Angra do Heroísmo



MUVI LISBOA

Festival Internacional de Música no Cinema

às Terças-feiras na Recreio dos Artistas

de 9 de Janeiro a 6 de Fevereiro 
 
 
SEGUNDA SESSÃO DO MUVI LISBOA NA TERCEIRA

Na próxima terça-feira, dia 16 de janeiro, pelas 21h00, na Recreio dos Artistas será exibida a segunda sessão da extensão do MUVI LISBOA
entrada livre


DIA 16.01.2018 (Terça-feira)

"78.4: Rádio Plutão", de Tiago Amorim, Fic, 2017, 15', Portugal
(Menção Honrosa do Júri - Sonetos Cantados - Palco Nacional)

"Escola do Rock Paredes de Coura 2016", de João de Sá, Doc, 2016, 15', Portugal

"Bravo, Virtuoso", de LevonMinasian, Fic, 2016, 92', Arménia.
 




 

15/12/17

Candidaturas | "CAMPOS DE TRABALHO INTERNACIONAIS PARA 2018" | Inscrições abertas até 31 de dezembro | Direção Regional da Juventude




CANDIDATURAS AOS CAMPOS DE TRABALHO INTERNACIONAIS PARA 2018
De acordo com a Portaria nº345/2006 de 11 de Abril, artigo nº 8, que regulamenta os CTI (Campos de Trabalho Internacionais) informa-se que de 1 a 31 de Dezembro de 2017 decorre o período para a apresentação de propostas de campos de trabalho internacionais, por organizações promotoras, nas Direcções Regionais do IPDJ e Lojas Ponto Já, bem como na Direção Regional da Educação e da Juventude dos Açores e na Direção Regional de Educação e de Juventude e Desportos da Madeira.


Para o ano de 2018 mantêm-se o apoio financeiro de 21,50 € por dia e participante e o valor da taxa de inscrição e de caução de 25,00 €.


Foi ainda decidido pelo Conselho Diretivo do IPDJ que, para o ano de 2018, manter nas propostas aos CTI um máximo 17 voluntários, uma duração máxima de 12 dias, que não poderão ser aprovadas e selecionadas para financiamento mais do que 2 candidaturas por entidade e de acordo com uma reordenação da lista definitiva que garanta uma maior diversidade de entidades promotoras de CTI (ver portal da juventude – candidaturas de entidades).


Para o ano de 2018 foram aprovadas superiormente 2 áreas prioritárias - o Ano Europeu do Património Cultural 2018 e Defesa da Floresta e Populações contra Incêndios.

· Para o Ano Europeu pretende-se uma abordagem pontual, enquadrada, integrada e mais do que apenas turística e não esquecendo a componente de trabalho coletivo, a um dos locais culturais em Portugal, devidamente identificado entre os 15 inscritos na UNESCO ou dos 22 da lista indicativa (excluindo os locais meramente ambientais e/ou naturais de ambas as listas).

· Para a Defesa da Floresta pretende-se atividades explicitas pontuais ou não nesta área , de prevenção, preservação, defesa e apoio da floresta e populações contra incêndios excluindo atividades profissionais e com risco de segurança para os voluntários.

· Caso opte por projetos nas áreas prioritárias deve escolher apenas uma delas.

Para 2018 e iniciando a fase de candidaturas aos vários programas do IPDJ na plataforma informática online, será dada preferência á apresentação de candidaturas online pelas organizações.


Para as candidaturas online das entidades aos CTI (de 1 a 31 de dezembro de 2017) será necessário:


1. Aceder à plataforma (para entidades, monitores e jovens) no seguinte link: https://programas.juventude.gov.pt

2. (O link acima só deve ser divulgado oficialmente a partir da tarde de 29 de novembro devido a ultimas alterações na plataforma)

3. elaborar um registo simples de entidade que possibilitará seguidamente a apresentação de candidaturas aos campos de trabalho (bem como aos outros programas quando estiverem prontos).

4. anexar ao registo de entidade no perfil, 2 ficheiros - o extrato do Diário da Republica e copia do NIPC.

5. assim que o registo de entidade estiver efetuado, aceda à plataforma com o NIF e password previamente definida;

6. Na plataforma terá uma nota introdutória sobre a elaboração de candidaturas aos CTI;

7. Dentro da plataforma encontrará a área de candidaturas aos CTI onde poderá elaborar todas as suas candidaturas, em que pode parar, gravar e voltar mais tarde as suas candidaturas;

8. Para efetivar as candidaturas aos CTI, as entidades terão de colocar alguns anexos obrigatórios em pdf exceto ficha informativa em word (cronograma, programa de atividades, ficha informativa em inglês, declarações de compromisso, termo de responsabilidade, parcerias caso existam, simulação de seguro, etc)

9. Haverá ainda anexos facultativos das parcerias financeiras ou logísticas caso existam;

10. A informação dos monitores nas candidaturas irá implicar que os monitores propostos efetuem um registo individual simples na plataforma e anexem o respetivo currículo (caso sejam candidatos a monitores de CTI pela 1ª vez devem anexar ainda um ficheiro com os certificados relevantes para esta atividade) ;

11. Assim que os monitores estiverem registados as entidades candidaturas já podem registar os respetivos NIF dos monitores nas suas candidaturas;

12. Assim que as candidaturas estiverem completas terão de submeter na plataforma as respetivas candidaturas, caso não o façam não serão consideradas;

13. Só deverão submeter as candidaturas quando estas estiverem prontas pois as entidades deixarão de ter acesso as candidaturas para alterações;

14. Em breve os técnicos regionais do IPDJ terão opções de consulta das candidaturas apresentadas na plataforma para efeitos de elaboração do parecer e das prioridades regionais

15. As candidaturas online e apenas estas, requerem a assinatura e carimbo de um termo de responsabilidade por cada uma apresentada. A entrega do termo de responsabilidade que não esteja devidamente preenchido exclui a candidatura;

16. Em breve será enviado e divulgado no portal da juventude um manual básico de uso da plataforma para o registo de entidades, monitores e elaboração de candidaturas

17. As entidades candidatas devem apresentar as suas candidaturas uma única vez ao IPDJ e de uma única forma (exceto candidaturas enviadas por mail que requerem a apresentação dos originais pelas entidades e dentro do mesmo prazo de candidatura), escolhendo um dos meios disponíveis (por mão, por correio, por mail ou online); 18. O link para apresentação de candidaturas dos CTI online deve ser amplamente divulgado e promovido pela vossa DR do IPDJ junto das organizações em geral e junto das potencialmente candidatas;



A informação sobre as candidaturas das entidades promotoras de CTI já se encontra atualizada no Portal da Juventude (áreas da candidaturas de entidades) e os ficheiros em anexo (formulário de candidatura, ficha informativa e declaração de competência compromisso e termo de responsabilidade) a serem utilizados este ano pelas entidades promotoras, encontram-se igualmente disponíveis no Portal da juventude. Encontra-se igualmente disponível no Portal e na mesma secção a grelha de avaliação de candidaturas para 2018.

http://juventude.gov.pt/TurismoTemposLivres/PromotorTemposLivres/CamposTrabInternacionais/Paginas/camp_trab_int_entidades.aspx